Porto vence prémio “Inovação Tecnológica” do Civitas Awards

Porto vence prémio “Inovação Tecnológica” do Civitas Awards

O sistema MOVE-ME, desenvolvido no âmbito do Civitas Elan Porto, foi o vencedor do Civitas Awards, na categoria “Inovação Tecnológica”. O prémio foi entregue na segunda-feira à noite na décima edição do Fórum Civitas, que decorre até hoje em Vitoria-Gasteiz, Espanha.

A aplicação foi desenvolvida pela OPT com o objectivo de disponibilizar informações sobre os transportes públicos em tempo real e está disponível para telemóveis com sistema Android ou Apple.

O MOVE-ME integra informação em tempo real da Sociedade de Transportes Colectivos do Porto (STCP), Metro do Porto e CP , assim como de 13 operadoras privadas associadas da Associação Nacional de Transportadores Rodoviários de Pesados de Passageiros (ANTROP): Albano E. Martins, Arriva, AutoViação Landim, Auto Viação Minho, Auto Viação Pacence, Auto Viação do Tâmega, E.T. Gondomarense, Joalto Douro, Mondinense, Rodonorte, Transcovizela, Transdev e Valpi Bus.

Segundo o júri do prémio, “a aplicação oferece aos utilizadores o que realmente pretendem:  planear rotas intermodais em tempo real, integrando diferentes meios de transporte.”

Actualmente, o MOVE-ME conta com mais de 50 mil utilizações por mês.

… e San Sebastián é eleita “Cidade do Ano”

San Sebastián, em Espanha, e Reggio Emilia, em Itália, foram também distinguidas nas categorias “Cidade do Ano” e “Participação Pública”, respetivamente.

 A cidade do País Basco venceu o prémio “Cidade do Ano” devido ao seu “enfoque integrador, que inclui desde o uso da bicicleta até ao transporte público, passando pela planificação de viagens personalizadas, com decisões que se tomam com a ajuda de um conselho assessor que representa 29 grupos”, justificou o júri.

 Os elementos do júri destacaram ainda o esforço de consciencialização pública desenvolvida pelo município espanhol, que fez com que, nos últimos três anos, aumentasse o número de ciclistas na cidade.

O prémio “Participação Pública” foi atribuído à cidade de Reggio Emília, na região de Emília-Romanha, no Norte de Itália, pela promoção de um manifesto para a mobilidade segura, sustentável e independente dos percursos casa/escola.

O manifesto foi subscrito por 13.000 jovens, permitindo-lhes ir para a escola sozinhos com toda a segurança, situação que levou o júri a sublinhar “o compromisso” desta cidade italiana para com as crianças e para com uma solução que “pode realmente reduzir o uso do carro”.

 

 

  1. De acordo com o texto divulgado, a empresa RECREIO que também pertence a família Furlan, dona da VIAÇÃO CAMACAN, única empresa de viação instalada na cidade desde 1984 qual possue os direitos total de serviço aos distritos do município e municípios vizinhos, a empresa agradece “de coração” aos passageiros, mas informa que a atitude de reduzir o horário de atendimento ao usuário “pagante” está se dando nesse momento por conta dos altos custos para empresa e de suas responsabilidades.

Leave a Reply